terça-feira, 8 de abril de 2014

[Resenha] Jardim de Inverno - Kristin Hannah




























"Você ficaria surpresa com o que o coração humano pode suportar"

Meredith e Nina são irmãs, mas não poderiam ser mais diferentes; enquanto uma decidiu ficar em casa e cuidar dos filhos e da família, a outra seguiu seu sonho e viajou ao redor do mundo para se tornar uma fotojornalista de sucesso. Porém seu pai está muito doente, e nem com o apoio da mãe distante elas poderão contar ( como nunca puderão), e o fato é, há um motivo para Anya ser assim, segredos de uma história emocionante que tem como cenário a segunda guerra mundial e uma nação em conflito, que se estende por mais de 65 anos e se arrasta entre a faminta Leningrado da Segunda Guerra e o frio Alasca



E em seu leito de morte, é justamente isso que o pai as pede; que se esforcem para saber essa história. 

O legal de ler um livro que não faz parte do que você costuma ler, é a possibilidade de ser surpreendido. E foi exatamente isso que tive com "Jardim de Inverno". Eu até tinha expectativas ( afinal, muitas pessoas estavam falando de Kristin Hannah), mas não esperava de forma alguma ser surpreendido da forma que fui. O livro é fantástico!

A escrita de Kristin Hannah tem o poder de ser leve e ao mesmo tempo possuir uma voracidade impressionante, e nas primeiras páginas já me conquistou. A sensibilidade posta em cada palavra é linda, e o texto é emocionante e convidativo.


O modo como a autora conseguiu mesclar passado e presente é maravilhoso, e os flash backs conseguem aos poucos ganhar um papel tão importante quando o núcleo principal. O que achei mais incrível, foi o modo como a narração do passado acabou tomando um corpo próprio e mesmo assim, continuou harmoniosa com o presente dos personagens.

A caracterização da Segunda Guerra Mundial e das dificuldades de Leningrado são de impressionar, e imagina a quantidade de pesquisa que deve ter sido necessário. Toda a ambientação do livro é fantástica, e juro que até consegui sentir o frio das personagens.

Por fim, me resta elogiar o trabalho primoroso da autora e o capricho da Editora Novo Conceito com a publicação; a capa está linda, a diagramação singela e atradução primorosa.

Fiquei muito feliz de me surpreender dessa forma!

5/5


Sinopse

Meredith e Nina Whiston são tão diferentes quanto duas irmãs podem ser. Uma ficou em casa para cuidar dos filhos e da família. A outra seguiu seus sonhos e viajou o mundo para tornar-se uma fotojornalista famosa. No entanto, com a doença de seu amado pai, as irmãs encontram-se novamente, agora ao lado de sua fria mãe, Anya, que, mesmo nesta situação, não consegue oferecer qualquer conforto às filhas. A verdade é que Anya tem um motivo muito forte para ser assim distante: uma comovente história de amor que se estende por mais de 65 anos entre a gelada Leningrado da Segunda Guerra e o não menos frio Alasca. Para cumprir uma promessa ao pai em seu leito de morte, as irmãs Whiston deverão se esforçar e fazer com que a mãe lhes conte esta extraordinária história. Meredith e Nina vão, finalmente, conhecer o passado secreto de sua mãe e descobrir uma verdade tão terrível que abalará o alicerce de sua família... E mudará tudo o que elas pensam que são.

Espero que tenham gostado pessoal, foi um livro que eu realmente gostei muito!

Qualquer coisa estou no @LanaMinhaEstante
Um Abraço,



14 comentários:

  1. Oi João :)
    Os livros dessa autora parecem ser muito bons pelos comentários e resenhas que eu vejo, ainda não li nenhum dela, mas tenho muita vontade.
    Esse é um dos que eu preciso ler! A história parece ser muito linda, eu gosto bastante de livros que falam sobre segredos, família, passado, etc.
    Enfim, tenho muita curiosidade para conhecer a escrita da Kristin.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna.
      Então, eu não tinha tanto interesse assim em ler livros dela, e talvez tenha sido por isso que eu tenha me surpreendido tanto.
      É um livro realmente lindo!

      Beijo

      Excluir
  2. Esse livro é maravilhoso, quando li ele a história me tocou dms e eu amei ele, e chorei muito também, pois a história é maravilhosa!
    http://exceptionss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história é realmente maravilhosa!

      Excluir
  3. Oi João, é incrível como esta autora consegue nos prender e emocionar com seus livros. Este eu ainda não li, apesar de tê-lo, mas os outros que li dela amei, e este tenho certeza não será diferente.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Da Kristin por enquanto eu só li esse, mas admito que fiquei curioso para conferir os outros trabalhos dela.

      Beijo

      Excluir
  4. Ainda não li, mas já tinha lido a sinopse e tinha ficado bastante curiosa, essa é a primeira resenha que eu leio e vou te dizer, eu acho que ele vai me surpreender também! (quando eu ler). Eu gosto de ler livros que tenham esses flashes do passado, tem uns que eu fico bastante perdida, mas acho que não é o caso desse! bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros com flashblacks me envolvem demais!

      Beijos

      Excluir
  5. Oi, esse livro é bem interessante, mas eu não tenho muita vontade de ler ele não, ele não me chamou muita atenção, não li nada da autora ainda, mas pretendo, quem sabe eu acabe dando uma chance a esse livro.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  6. Gente, o contexto histórico desse livro é bem narrado, além disso amo histórias ambientadas em cenários frios. Adoro ler livros com temas familiares, o que acho que está se perdendo na literatura de hoje, uma verdadeira infelicidade. Bom, amei esse livro, apenas não gostei do final, mas valeu a pena ter perdido uma noite inteira aventurando-se nessa maravilhosa história da kristin hannah.
    Recomendo parceiros, abraços a todos....

    ResponderExcluir
  7. Nossa que dahora *-*
    Eu sempre via esse livro por ai, mas nunca tinha lido sobre oque se tratava :O

    ResponderExcluir
  8. Estou muito curioso em relação a narrativa da Kristin e depois dessa resenha pude notar que ela é realmente uma excelente escritora, se conseguiu usar flashblacks sem se perder e trazer uma história com tamanha carga histórica, mantendo ainda a emoção a todo momento envolta nos segredos dessa família é realmente surpreendente, quando for ler algo da autora já sei que posso ir com muita vontade e sem medo porque ela sabe fazer um bom livro dramático.

    ResponderExcluir
  9. A escritora é realmente muito boa, os flashblacks deixaram o livro incrível.

    ResponderExcluir
  10. A escritora é realmente muito boa, os flashblacks deixaram o livro incrível.

    ResponderExcluir

Deixe a sua opinião!
Não esqueça que ofensas, xingamentos e spam são proibidos e serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Lá na Minha Estante © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo