terça-feira, 9 de abril de 2013

As Violetas de Março - Sarah Jio
















"O Grande amor perdura ao tempo, à magoa e a distância. E mesmo quando tudo parece perdido, o verdadeiro amor vive."


Emily Wilson é uma escritora frustrada.  Não que seu livro não tenha feito sucesso, muito pelo contrário, é um Beste-seller com milhares de cópias vendidas e com adaptação para o cinema. O Problema, é que ela não sente identificação com ele, não colocou seus sentimentos naquilo, e acha que pode fazer mais. Tem um relacionamento conturbado com a mãe e como se não bastasse, acabou de se separar.

Confusa e sem grandes esperanças, seguindo conselho de sua melhor amiga resolve passar um mês na ilha de Bainbridge, onde mora sua tia-avó Bee. Era lá que passava seus verões durante a adolescência.

Dentre a redescoberta do amor e a grande doença de uma amiga, Emily se vê envolvida em uma estória  que jamais poderia imaginar, um diário, simples, foi capaz de faze-la repensar em tudo o que acreditava.

Narrado em primeira pessoa, "As Violetas de Março" não é poético como capa e sinopse prometem, tampouco o romance pesado que algumas pessoas acham que vão encontrar. Pelo contrário, é um livro simples com narração simples, mas que não deixa de ser incrível.

É um conto de amor que se passa na atualidade, com dilemas tanto atuais quando antigos.

A simplicidade empregada por Sarah Jio é posta à prova assim que informações um  tanto complexas são incrementadas ao enredo, por incrível que pareça, Jio não deixa seu romance perder o ritmo, pelo contrário, as informações são somadas de uma forma tão perfeita ao que já foi construído que, tudo é absorvido de forma quase automática pelo leitor.

Já falei aqui, que citações, sejam elas de livros, filmes ou músicas, sempre fazem o leitor se identificar mais com a obra apresentada. É automático, e aqui há isso. Não que eu conheça o que ali é citado, mas de qualquer forma, se depois da leitura você gostar do que foi apresentado ali, as chances de o livro se tornar inesquecível são enormes.

Algo que foi muito importante, para fazer esse livro se destacar, foi a ideia em si. Por mais que segredos familiares não sejam algo tão inédito, Sarah Jio consegue dar um ar inovador ao assunto.

Me surpreendi bastante por não encontrar o drama que eu pensava que leria, fui em busca de profundidade, e encontrei um romance tranquilo, bonitinho eu diria.

Os Personagens são maravilhosos, bem construídos, colocados na hora certa, sabiamente posicionados no enredo, sem interferirem em cenas importantes quando não necessários.

Tive um problema com a tradução, mas foi algo pequeno. Convenhamos, "Igreja de Santa Mary" , por favor né?

 "As violetas de Março" talvez não seja o livro mais profundo que você vai encontrar,  mas questões como família, verdadeiro amor e lealdade são dissecadas sabiamente aqui.

Por fim, soma-se uma escrita simples e sutil, uma ideia muito usada mas aqui inovada e um trabalho de diagramação incrível.








Sinopse:
Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio.Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.
Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes. Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.
Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.
Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.





36 comentários:

  1. A sipnose não faz jus ao livro pelo que li na sua resenha, pela sipnose eu não me interessaria.

    some-fantastic-books.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chath's.
      Engraçado!
      O que me atraiu foi a sinopse, rs.

      Excluir
  2. Amei.. *.*
    Eu to louca pra ler esse livro... adoro livros assim, simples mas romantico, e " bonitinho" como você mesma citou!!!
    A capa ta linda, e eu to super curiosa.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabi.
      Ele é fofo e "bonitinho" rs.

      A NC caprichou nesse aqui.

      Beijos

      Excluir
  3. Adorei, muito bom! É por isso que eu tenho de comentar em tudo e ganhar este livro u.u
    HAHA', hoje é meu aniversário! E vai chegar O melhor de mim!! PAospaospaosp', esperando com os dedos cruzados! Eu adoro o Blog (novidade) e espero que ela cresça e expande mais e mais! Que seja preciso de mais colunistas e... Enfim, Amo.
    Beijos, da Meell!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Meell, boa sorte com isso.

      Obrigado pelos votos, rs

      Beijos

      Excluir
  4. Nossa, vejo tanta gente falando desse livro que to super curiosa pra lê-lo também! Sem contar que a capa é linda por demais, né?

    beijos
    Kel
    http://porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Artistas! Quem vai entende-los?! Criam algo que agrada a todos menos a eles próprios. Não gosto muito de livros românticos mas há tanta coisa envolvida neste que simplesmente me interessei.
    Obrigado pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cello.
      Eu também tenho tendencia a fugir um pouco de romances, mas esse me encantou.
      O Amor é abordado sim, mas de uma forma tão sutil, que só a Sarah consegue fazer.

      Excluir
  6. Achei a capa linda, parece um livro antigo, o livro parece muito bom, e envolvente, tenho vontade de ler ele desde que vi um post sobre os lançamentos e ele estava entre eles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa.

      Eu também gosto da capa, e é compreensível essa vontade de lê-lo, rs

      Excluir
  7. Eu to louca pra ler. E saber que não é o drama que eu estava esperando me deixa mais tranquila quanto a lê-lo em breve. Acho essa capa lindissima, e amo historias em que os protagonistas são escritores...
    Muito boa a resenha!!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Érica.

      Quando os protagonistas são escritores a estória ganha uma nova perspectiva, né?

      Beijos

      Excluir
  8. Não vejo a hora de ler esse livro. Tomara que eu tenha sorte no TOP! ^^
    Super amei a diagramação dele, quando vi o primeiro capítulo!

    Aqui de "Igreja Santa Mary" ter te incomodado, não me incomodaria, já que eu tenho como princípio que nomes próprios não deve ser traduzido. hehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thiele.

      Então, é que agente tem isso aqui no Brasil sabe? " Igreja de Santa Maria", ou então eles poderiam ter colocado "Igreja de Saint Mary". Traduzir termos pela metade? não gosto.

      Boa Sorte no TOP.

      Excluir
    2. É verdade, traduzir pela metade já fica feio. Ou traduz, ou não traduz. (:

      Excluir
  9. Curti muito a tua resenha, mas não tinha lido a sinopse ainda. Como a Cath's m falou, eu tbm não me interessaria pelo livro só pela sinopse, mas, por outro lado, eu curti muito a capa, enton... uaoiauio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas.
      Que bom que gostou da resenha :)

      A Sinopse dá a entender uma coisa diferente do que o livro realmente é :/

      Excluir
  10. Estou com muita vontade de ler esse livro, parece ser muito bom, gosto de contos de amor. A resenha está muito boa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa.

      Que bom que gostou da resenha :)

      Excluir
  11. A história parece ser bem crível e isso influencia muito na hora da leitura. Ademais, como você falou em sua resenha que o romance não é muito profundo, não vou esperar um texto denso e caso o livro chegue até as minhas mãos, o reservarei para ler quando não estiver com tanta paciência para enredos muito intricados.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isabelle.

      Então, é isso mesmo. Me surpreendi com a simplicidade do romance.

      É uma leitura super rápida e agradável!

      Beijos

      Excluir
  12. Parece interessante o livro e ao mesmo tempo não, acredito que tive uma impressão não tão boa assim dele, mas pela resenha e por ja ter comentado em outras resenhas, gostaria de ler esse livro, por que não? Vai que seja totalmente diferente.
    :0

    ResponderExcluir
  13. Esse livro é bonitinho.
    To lendo ele. To lendo ele ♥
    Problemas com traduções são tensos. É como em Charlotte Street, nossa moeda rela em um país da Europa WHATTTT?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nooossa, nem sei o que eu faria se encontrasse isso em um livro, rsrs

      Excluir
  14. A capa, embora simples, é bem bonita. Gostei da sinopse também e dentre as resenhas que já li sobre esse livro, a sua é a melhor delas e me deixou bastante curiosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maristela.

      Fico feliz que tenha gostado da resenha. :)

      Excluir
  15. O Livro parece ser interessante.Ate o momento não havia visto ele e nem lido qualquer resenha sobre ele.
    Bom não sou muito fã de romances muito meloso(acho que este deve ser o caso),mas me interessei por esse,então vou coloca-lo em minha lista.

    Parabéns pela resenha!

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir
  16. Emily tem uma vida bem conturbada e esse livro está me deixando SUPER curiosa.

    Quero muuuuuuuuuito ler.

    ;)

    http://pseudonimoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. A escrita da Sarah está sendo bem elogiada.
    Gosto de tramas familiares e é bom saber que a autora inovou nessa área, :)

    ResponderExcluir
  18. Oi,amei a resenha,uma leitura maravilhosa,realmente deve ser emocionante acompanhar Emily nesse retiro em busca da inspiração perdida.
    Também acho interessante livros ou filmes onde os protagonistas são escritores.

    ResponderExcluir
  19. Fofa essa história, estou doida pra ler também. É bem bonito o livro não é *-*

    ResponderExcluir
  20. Estou super curiosa para ler este livro, já ouvi comentários bem positivos em relação ao livro, o que me deixa bem curiosa para lê-lo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa também é bem linda e confesso que os detalhes das paginas me conquistaram, que lindo!

      Excluir
  21. Vou dar esse livro a minha irmã, espero que ela goste... Achei interessante a história e estou curioso para saber como é a narração!!

    ResponderExcluir

Deixe a sua opinião!
Não esqueça que ofensas, xingamentos e spam são proibidos e serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Lá na Minha Estante © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo